Proclamação da República: tudo sobre o assunto

Quando lemos a História, podemos lembrar perfeitamente da Proclamação da República. De maneira geral, sabemos que ela foi resultado de um golpe militar, mas que acabou contando com ações civis.

Quando lemos a História, podemos lembrar perfeitamente da Proclamação da República. De maneira geral, sabemos que ela foi resultado de um golpe militar, mas que acabou contando com ações civis.

Por esse motivo, é crucial entender os contextos ocorridos de maneira mais detalhada e prática. Quer saber mais sobre o assunto? Então, continue lendo o nosso artigo e tire todas as suas dúvidas sobre o assunto.

 

Proclamação da República: conceito

Podemos definir que a Proclamação da República aconteceu na data 15 de Novembro de 1889. E como consequência, esse processo resultou na derrubada da monarquia, além da própria instauração da monarquia em território brasileiro.

De acordo com a história, esse acontecimento ocorreu devido ao enfraquecimento que a monarquia teve na década de 1870, e sabe-se que uns militares foram alguns dos grupos mais insatisfeitos com esse processo.

De maneira prática, a conspiração para a derrubada da monarquia contou com a ação do Marechal Deodoro da Fonseca, que foi o principal responsável por conduzir o tombamento do gabinete ministerial. Ainda no dia 15, tivemos as movimentações políticas, que culminaram na Proclamação da República, que ocorreu na Câmara Municipal do Rio de Janeiro.

 

A crise no sistema monárquico

Conforme vimos, a proclamação da República acabou ocorrendo devido a queda da monarquia. Logo, para entender esse contexto, precisamos identificar o processo de crise no sistema monárquico.

Logo então, podemos considerar que a crise no sistema monárquico acabou acontecendo no ano de 1870, logo após a Guerra do Paraguai. Nesse contexto, sabe-se que o Brasil venceu o conflito, contudo, a monarquia saiu ainda mais fraca. Com isso, os novos moldes políticos que estavam se consolidando no Brasil desde 1860, acabaram ganhando destaque em debates políticos internos.

No que tange aos principais grupos atingidos e insatisfeitos com a crise, foram os grupos militar e político. Isso porque os dois lados estavam orbitando sobre o republicanismo — cujo tipo de governo passou a ser enxergado como moderna e como a sugestão ideal para a melhoria do país.

 

Principais consequências da Proclamação da República

Entendendo o contexto histórico que acabou levando à Proclamação da República, esse acontecimento acarretou inúmeras mudanças, e todas elas significativas para o país. Vamos conferir algumas:

Estabelecimento do Presidencialismo;

Implantação do Estado Laico;

Implantação do Federalismo;

Implantação da República;

Estabelecimento do sufrágio universal masculino, além do fim do voto censitário.

Por essas consequências, entendemos que a década de 1890 acabou sendo marcada por diversos conflitos de republicanos e monarquistas, assumindo postos políticos diferentes e que buscavam ganhar o poder da recém-instalada república.

Gostou desse artigo? Sem dúvidas, a Proclamação da República foi um ato histórico muito importante, que culminou diversas ações políticas e sociais para o Brasil. Portanto, agora que você já entendeu um pouco mais sobre o assunto, que tal navegar em nossos conteúdos?

Visite o nosso blog e confira outros temas relacionados. Caso queira se aprofundar ainda mais e testar os seus conhecimentos, visite a nossa plataforma de questões e veja como andam seus estudos e seu conhecimento para as provas.

Recomendado